Bar que funcionava em chácara é fechado por promover aglomeração no interior do Ceará

Bar que funcionava em chácara é fechado por promover aglomeração no interior do Ceará


Um bar localizado no bairro Lagoa Seca, em Juazeiro do Norte, no interior do Ceará, foi fechado na noite da última quinta-feira (10) por promover aglomeração. De acordo com  a Autarquia Municipal de Meio Ambiente de Juazeiro do Norte (Amaju), os jovens estavam sem máscaras e não cumpriam o distanciamento social.

O decreto estadual vigente ampliou o horário de shoppings e restaurantes em todos os municípios do Estado, menos nos que integram o Cariri, porque o número de casos confirmados de Covid-19 na região segue alto.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Segundo o superintendente geral da Amaju, Eraldo Oliveira, o órgão identificou o organizador principal do bar. Nesta sexta-feira (11), explica, a Vigilância Sanitária deverá interditar ou multar o estabelecimento comercial "assim que for apresentado o relatório constando a gravidade do acontecido".

"A luta contra a doença não se dá de forma individual, é de todos. É uma crise sanitária, e muitos jovens, infelizmente, ainda não entenderam". 

Indicadores da cidade
Eraldo Oliveira ainda destaca que as equipes de fiscalização sanitária da região do Cariri estão preocupadas porque têm percebido que existem bares que funcionam em casas, onde não há nenhum indicativo que esteja acontecendo algum tipo de evento ali.

"Pedimos que as vizinhanças, quando perceberem alguma movimentação fora do comum, avisem-nos. Em Juazeiro do Norte, os indicadores são preocupantes, o grau de contaminação [pela Covid-19] ainda continua nas alturas. Por isso, a Prefeitura decretou lockdown e toque de recolher". 

Diário do Nordeste