Justiça mantém Adail cassado e inelegível e Guaraciaba do Norte deverá ter novas eleições

Justiça mantém Adail cassado e inelegível e Guaraciaba do Norte deverá ter novas eleições


A juíza da 74ª Zona Eleitoral Juliana Bragança Fernandes Lopes manteve, em decisão proferida na tarde desta segunda-feira (21), a cassação da chapa Adail Machado e Regivaldo Cavalcante, respectivamente prefeito e vice de Guaraciaba do Norte.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Em decisão de 1ª instância, a magistrada resolveu aplicar a inelegibilidade no prefeito, que chegou a ofertar R$ 500 mil ao senhor Jheffeson Clodoaldo, hoje vereador, para desistir de sua candidatura ao cargo de vereador e que apoiasse a candidatura dos "situacionistas".

Ainda que cabendo recurso em instâncias superiores, o grupo de Adail sofre uma fragibilidade maior por não dispôr do nome para concorrer nas novas eleições que deverão ocorrer no município, a depender das barras da Justiça para os próximos meses. Cidade serrana já vive em expectativa, diante do imbróglio, para uma nova disputa.