Mãe abandona bebê de quatro meses, sai de casa para usar drogas e criança morre no Ceará

Mãe abandona bebê de quatro meses, sai de casa para usar drogas e criança morre no Ceará


Uma mulher usuária de drogas foi presa em flagrante pela Polícia Civil pelo crime de abandono de incapaz. Ela deixou os filhos sozinhos em casa, saiu para usar drogas, e o bebê de apenas quatro meses morreu. O caso aconteceu no Bairro Quintino Cunha, em Fortaleza, na última quarta-feira (30).

De acordo com o delegado Augusto Soares, do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), a mulher saiu de casa para usar drogas durante a madrugada e deixou a filha, uma adolescente de 12 anos, com os bebês, um casal de gêmeos.

A polícia apurou que às 3h da manhã, a filha de 12 anos deu mingau para os bebês. Já por volta das 6h, ela acordou com a bebê do sexo feminino chorando e notou que o bebê do sexo masculino estava roxo e sem respirar, foi quando procurou ajuda e chamou a vizinha.

Segundo as investigações, a vizinha foi até a residência e ainda tentou reanimar o bebê, que soltou espuma pela boca, mas acabou morrendo em seguida.

"Demos início às investigações, procuramos familiares, conversei no local com a vizinha, que foi a primeira que prestou socorro, conversamos com um cunhado da mãe das crianças, casado com a filha dela, a mais velha, apuramos que a mãe já tinha o costume de fazer isso. Devido ao uso de drogas, ela sempre saía de casa de madrugada, abandonava as crianças, ia usar drogas e voltava algum tempo depois", disse o delegado.

Pai estava trabalhando
O pai das crianças, de acordo com apuração da Polícia Civil, trabalha como caseiro e fica fora de casa de segunda a quinta-feira, e não estava na residência quando o caso aconteceu. Por estar trabalhando, o abandono se caracterizou por conta da mãe.

"Depois que terminamos o trabalho pericial, a perícia nos disse que a criança, o bebê, apresentava a face roxa e um pouco de líquido que saiu pelo nariz, indicativo de uma possível convulsão ou até mesmo um engasgo", conta o delegado Soares.

Mãe sabia que o bebê estava doente
A polícia também apurou que, na noite anterior, o bebê apresentou quadro febril forte e familiares chegaram até a fazer uma reza para a melhora dele, mas mesmo assim, a mulher deixou os filhos sozinhos e saiu para usar drogas. "Ela tinha ciência que o menino estava passando mal. E mesmo assim abandonou as crianças e foi usar drogas na madrugada".

A polícia começou a fazer buscas pela suspeita, que se escondeu após saber que estava sendo procurada. Ela foi presa após a filha mais velha procurar o 10º Distrito Policial e apontar para a polícia o local onde a mãe estava escondida. Os agentes foram até o local e prenderam a mulher em flagrante.

Após a prisão, ela foi conduzida para o Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), onde segue presa.

G1 - CE