Primeiros cinco meses de 2021 geram 58 novos empregos em Santa Quitéria

Primeiros cinco meses de 2021 geram 58 novos empregos em Santa Quitéria


Apesar de ter enfrentado um período duro e crucial, a economia de Santa Quitéria inicia o segundo semestre de 2021 com perspectivas otimistas. Dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) indicam que nos primeiros cinco meses deste ano, 58 novos postos de trabalho foram abertos no município.

A geração de vagas foi puxada pela indústria, que alcançou saldo de 33 oportunidades. Em seguida, aparecem o comércio (27) e o setor de serviços (21). A construção, porém, desligou 34 funcionários e contratou 10, gerando uma perda de 24 postos de trabalho formais. A indústria foi quem mais demitiu no município ao longo deste período: 72.

Entre os quiterienses que conseguiram uma recolocação no mercado em maio, 29 eram homens e 29 mulheres. Os jovens com idade entre 18 e 24 anos são a preferência dos empregadores. Em termos de escolaridade, as vagas abertas têm exigido apenas ensino médio completo.

No acumulado de janeiro a maio, o saldo no mercado de trabalho formal brasileiro é positivo, com milhares de novas vagas num período de crise provocada pela pandemia.