Realização de cirurgias eletivas retorna de forma gradual ainda em julho no Ceará

Realização de cirurgias eletivas retorna de forma gradual ainda em julho no Ceará


O Ceará vai retomar de forma gradual no mês de julho a realização das cirurgias eletivas após cinco meses de suspensão devido à pressão assistencial causada pela segunda onda da pandemia de Covid-19. A informação foi confirmada nesta quinta-feira (15).

De acordo com a Secretaria da Saúde (Sesa), o retorno dos procedimentos menos urgentes foi possível por causa da queda de casos, internações e óbitos pela doença desde o fim de junho em todas as regiões do estado.

De acordo com o secretário da Saúde do Ceará, Carlos Roberto Martins Rodrigues Sobrinho (Dr. Cabeto), a meta é zerar a fila nos hospitais, clínicas, ambulatórios, laboratórios e unidades de saúde públicas e privadas no Ceará, beneficiando milhares de usuários do sistema público de saúde.

"Estamos implantando um novo programa de cirurgias eletivas no Ceará. Isso se deve à melhora dos dados epidemiológicos e assistenciais da Covid-19 e à necessidade de ampliar essa nossa capacidade de atendimento. Vamos utilizar a estrutura que ampliamos durante a pandemia, nos hospitais das cinco regiões de Saúde, para realizar o maior número de procedimentos", afirmou Dr. Cabeto.

G1 CE