Bolsonaro protocola pedido de impeachment contra Alexandre de Moraes do STF

Bolsonaro protocola pedido de impeachment contra Alexandre de Moraes do STF

 

O presidente Jair Bolsonaro protocolou nesta sexta-feira, 20, o pedido de impeachment ao Senado do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes. O documento foi protocolado por um auxiliar do mandatário no final da tarde. O chefe do Executivo está em São Paulo, em visita a familiares. Já o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, viajou para Minas Gerais, sua terra natal para passar o final de semana.

Após ordem de Moraes, o cantor Sérgio Reis e o deputado federal Otoni de Paula (PSC-RJ) foram alvos de mandados de busca e apreensão nesta sexta. Reis e outros oito investigados pela Polícia Federal foram proibidos de se aproximaram da Praça dos Três Poderes, dos ministros do Supremo e de senadores, atendendo a um pedido da Procuradoria-Geral da República (PGR) que apura incitação a atos violentos e ameaças contra a democracia.

No último dia 14 de agosto, Bolsonaro engrossou os ataques ao Judiciário após da prisão do seu aliado político Roberto Jefferson (PTB), por ordem de Moraes. Por meio das redes sociais, o presidente adiantou que deveria apresentar ao Senado, nesta semana, um pedido de abertura de processos contra os magistrados.

Na publicação, o presidente retomou suas ameaças contra a democracia. "Todos sabem das consequências, internas e externas, de uma ruptura institucional, a qual não provocamos ou desejamos", escreveu. "De há muito, os ministros Alexandre de Moraes e Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal, extrapolam com atos os limites constitucionais", continuou.

OPOVO