GPS de caminhão-pipa é escondido sob banco de motocicleta para fraudar operação federal, no Ceará

GPS de caminhão-pipa é escondido sob banco de motocicleta para fraudar operação federal, no Ceará


Dois homens foram presos, nesta quarta-feira (11), pela Polícia Federal em Juazeiro do Norte, no interior do Ceará, por fraudarem a Operação Pipa no município de Salitre. O flagrante foi realizado pela Polícia Militar do Ceará (PMCE) ao constatar que um homem responsável por prestar o serviço acoplou o GPS do caminhão-pipa a uma motocicleta a fim de fraudar a entrega de água na cidade.

Segundo a PM, foram presos pelo crime de estelionato Francisco Anderson Ferreira de Andrade, de 34 anos, e Cícero Antonio Ribeiro, de 33. O primeiro era chefe do segundo e dirigia o caminhão, quando foi parado em uma blitz por policiais militares. Os agentes de segurança acharam o GPS dentro do banco da motocicleta e, por se tratar de um possível crime com envolvimento de recursos federais, a Polícia Federal foi acionada para tomar as medidas cabíveis.

O caminhão prestava serviço ao Exército Brasileiro e teria que cumprir uma rota para entregar água à população. Cícero Antonio, que pilotava a moto, afirmou aos PMs que o veículo pertencia a seu patrão, o qual estava vindo em seguida em um caminhão-pipa. Anderson Ferreira, que dirigia o caminhão, afirmou não saber da existência do GPS na motocicleta.

G1