Menos da metade dos adolescentes no Ceará se cadastraram para receber a vacina contra a Covid-19

Menos da metade dos adolescentes no Ceará se cadastraram para receber a vacina contra a Covid-19

O Ceará inicia nesta quinta-feira (26), a partir de Fortaleza, a vacinação de adolescentes entre 12 e 17 anos contra a Covid-19, mas apenas 43% das pessoas desta faixa etária se cadastraram na plataforma Saúde Digital, do Governo do Estado. O agendamento da população só é feito pelas prefeituras se o cidadão tiver o cadastro no sistema.De acordo com os indicadores do cadastro da vacinação, dispostos na plataforma IntegraSUS, da Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa), até esta quarta-feira (25), 454.266 adolescentes fizeram cadastro para receber o imunizante. Os dados foram colhidos às 11h.

Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a estimativa do censo 2020, é que há 1.049.462 jovens nesta faixa etária no estado. Ou seja, menos da metade dos jovens aptos a se vacinar fizeram o cadastro no Saúde Digital.

A secretária executiva da Vigilância e Regulação da Sesa, Magda Almeida, afirmou que o processo de imunização dos adolescentes deve começar com aqueles que têm comorbidades, além de gestantes e puérperas que terão prioridade nas filas. Puérperas são mulheres que tiveram filhos em até 45 dias.

Até o momento, há 5.075 adolescentes com comorbidades cadastrados e 1.691 mulheres grávidas ou puérperas.


G1 CE