Ouro na vela, bronze no atletismo e mais medalhas no boxe; saiba o que aconteceu no dia 11 das Olimpíadas de Tóquio

Ouro na vela, bronze no atletismo e mais medalhas no boxe; saiba o que aconteceu no dia 11 das Olimpíadas de Tóquio


As Olimpíadas de Tóquio 2021 estão no dia 11. O Time Brasil teve atuações decisivas para somar medalhas de ouro e bronze na vela e no atletismo, além de garantir mais uma no boxe. Na canoagem de velocidade, Isaquías Queiroz e Jacky Goodmann ficaram fora do pódio. Veja o resumo do que aconteceu entre a noite de segunda-feira, 2, e a madrugada de terça, 3, enquanto você dormia.

O dia "D" do Brasil pelas possibilidades de medalhas em disputa teve ainda a classificação da seleção masculina de vôlei de quadra para semifinal e a eliminação da dupla Ana Patrícia e Rebeca, esta cearense, no vôlei de praia. O décimo período de competições contou também com o retorno de Simone Biles, avanço da equipe dos Estados Unidos, com Durant e companhia, para a semifinal no basquete e recorde mundial no atletismo, em prova em que o brasileiro Alison dos Santos conquistou o bronze.

Ouro na vela
A dupla de velejadoras Martine Grael e Kahena Kunze trouxe mais um ouro olímpico para o Brasil. Com terceiro lugar na regata final, a medal race, da categoria 49er, as brasileiras terminaram em primeiro lugar na colocação geral da modalidade.

Bronze no atletismo
Alison dos Santos fez uma grande prova na final dos 400m com barreiras e conquistou a medalha de bronze nos Jogos Olímpicos de Tóquio, com o tempo de 46s72. Ele quebrou tabu de 33 anos do atletismo brasileiro sem medalhas em provas individuais.

Bronze no boxe
O peso-pesado brasileiro Abner Teixeira foi derrotado pelo cubano Julio César La Cruz em decisão dividida da arbitragem, na manhã desta terça-feira, 3 (horário de Fortaleza). Com o revés na semifinal, o paulista ficou com a medalha de bronze na Olimpíada.

Final histórica nos 400m com barreiras
Na prova em que Alison carimbou o bronze com recorde sul-americano, o norueguês Karsten Warholm conquistou o ouro e estabeleceu pela segunda vez em um mês o melhor tempo da prova, com 45s94 (o anterior era de 46s70), registrando novo recorde mundial.

Bia Ferreira dá show no boxe e garante medalha
Favorita ao ouro no peso-leve, Bia Ferreira venceu a uzbeque Raykhona Kodirova por decisão unânime e avançou para a semifinal. Desta forma, a brasileira já garantiu pelo menos a medalha de bronze na Olimpíada.

Wanderson eliminado no peso-leve
Wanderson Oliveira foi derrotado pelo cubano Andy Cruz nas quartas de final do peso-leve. Com o resultado, o brasileiro se despede da Olimpíada de Tóquio.

Bruninho e cia passam com domínio
A seleção brasileira está nas quartas de final do vôlei de quadra masculino. Em partida contra o Japão, seleção anfitriã da Olimpíada de Tóquio, os brasileiros venceram por 3 sets a 0.

Brasil fora do pódio na canoagem
Os brasileiros Isaquias Queiroz e Jacky Godmann foram para a água na noite desta segunda-feira, 2, para a disputa da final da canoagem velocidade 1000 metros, pelas Olimpíadas de Tóquio. Os representantes do Brasil terminaram a prova na quarta posição e não conseguiram medalha. O tempo de Isaquias e Jacky foi de 3:27.603, 2.608 a mais que os terceiros colocados.

Flavinha Saraiva fora do pódio
A brasileira competiu a final da trave na ginástica artística e teve nota de 13.133. O desempenho não foi suficiente para Flavinha subir ao pódio.

Retorno de Biles
A norte-americana competiu a final da trave na Olimpíada de Tóquio, em apresentação que marcou o seu retorno após decidir não disputar outras finais na ginástica artística. Simone Biles conquistou a medalha de bronze com nota de 14.000.

Cearense do vôlei se despede de Tóquio
As brasileiras Ana Patrícia e Rebecca (do Ceará) entraram em quadra na noite desta segunda-feira, 2, pelas quartas de final do vôlei de praia nas Olimpíadas de Tóquio. Elas tiveram pela frente as suíças Heidrich e Verge-Depre. As representantes do Brasil perderam por 2 sets a 1 e foram eliminadas da competição.

Cearense do lançamento de dardo não avança
A participação da cearense de Pacatuba Laila Ferrer, do lançamento de dardo, teve encerramento na fase classificatória da modalidade nas Olimpíadas de Tóquio. Ela não conseguiu ficar entre as 12 melhores colocadas, que avançaram para a final.

EUA na semifinal do basquete
A seleção estadunidense de basquete masculino venceu a Espanha nas quartas de final da Olimpíada de Tóquio. Os Estados Unidos fecharam a partida com placar de 95 a 81.

Outra dupla brasileira briga por medalha na vela
Depois do ouro na classe 49er FX com Martine Grael e Kahena Kunze, o Brasil pode ter mais uma conquista na vela. Na classe 470 feminina, Fernanda Oliveira e Ana Barbachan asseguraram nesta terça-feira a classificação para a medal race, que tem valor dobrado e define o pódio da modalidade.

O Povo Online