Sargento é assassinado a tiros após pedir para criminosos baixarem volume de som no Ceará

Sargento é assassinado a tiros após pedir para criminosos baixarem volume de som no Ceará


Um sargento da Polícia Militar foi assassinado a tiros na noite deste sábado (7) após pedir para três pessoas baixarem o som de um veículo em alto volume na cidade de Russas, no interior do Ceará. O policial atuava na 3ª Companhia do 9º Batalhão Policial Militar.

Conforme a Secretariaria da Segurança Pública, o policial Carlos Eduardo de Santiago Ribeiro, 40 anos, estava em um estabelecimento comercial, onde três homens colocaram o som de um veículo em alto volume. O sargento foi até onde eles estavam e pediu para que desligassem o som. Em seguida, o trio se retirou do local.

Minutos depois, ainda de acordo com a secretaria, dois homens em uma motocicleta chegaram ao estabelecimento, e um deles efetuou disparos de arma de fogo contra o policial.

O trabalho policial para a localização dos criminosos é realizado por equipes do Comando Tático Rural (Cotar), do Comando de Policiamento de Rondas e Ações Intensivas e Ostensivas (CPRaio), do Comando de Policiamento de Choque (CPChoque) e da Assessoria de Inteligência (Asint) da PMCE; além de equipes da Coordenadoria de Inteligência (Coin) da SSPDS e de policiais civis da Delegacia Regional de Russas.

G1