Tio de garota indígena estuprada e assassinada aparece morto na prisão

Tio de garota indígena estuprada e assassinada aparece morto na prisão

 

Um dos integrantes do estupro coletivo e assassinato de uma garota indígena, o tio, foi encontrado morto no fim da tarde desta quinta-feira (12), na Penitenciária Estadual de Dourados (PED), em Dourados- Mato Grosso do Sul.

De acordo com o delegado encarregado da investigação, Erasmo Cubas, o assassino, de 34 anos, foi achado sem vida na cela. O homem e outro suspeito foram presos em flagrante na manhã da ultima terça-feira (10), em operação da Polícia Civil que apreendeu os três adolescentes envolvidos no crime, de 13, 14 e 16 anos.

 O suspeito estava em uma cela separada de outros detentos, na companhia apenas do outro homem detido por suposto envolvimento no crime, de 20 anos. Por ter sido mantido afastado de outros presos, a suspeita é que ele tenha cometido suicídio. O caso será investigado.