Ceará continuará a vacinar adolescentes apesar da recomendação do Ministério

Ceará continuará a vacinar adolescentes apesar da recomendação do Ministério


O Ceará continuará a vacinação de adolescentes de 12 a 17 anos, com ou sem comorbidades, contra a Covid-19. A Secretaria da Saúde (Sesa) anunciou medida por meio de nota na noite desta quinta-feira (16), após reunião extraordinária da Comissão Intergestores Bipartite (CIB).

Segundo o que foi discutido no encontro da CIB-CE, a pasta federal tomou uma "decisão unilateral, sem dialogar com estados e municípios".

Nesta quinta, o MS mudou a orientação e soltou nota informativa para que essa faixa etária não seja imunizada. A exceção adolescentes com deficiência permanente, com comorbidades ou que estejam privados de liberdade.