Jovens de Santa Quitéria enfrentam dificuldade no cadastro da vacina, por falta de documentos

Jovens de Santa Quitéria enfrentam dificuldade no cadastro da vacina, por falta de documentos

 

A vacinação contra o novo Covid-19 avança em todo o Brasil. Jovens e adultos de todo o país realizam o cadastro obrigatório de vacina e buscam os postos de saúde mais próximo para se imunizar. No entanto, um dos maiores desafios encontrados por várias cidades, é que muitos jovens não possuem os documentos obrigatórios para realização de cadastro de vacinação, como o Cadastro de Pessoa Física (CPF) e Registro Geral (RG). No município de Santa Quitéria, a Secretaria de Assistência Social está promovendo vários agendamentos para a emissão desses documentos.

Em Santa Quitéria, há vários casos de jovens que querem se vacinar, mas não possuem CPF e RG. Com isso, a Secretaria de Assistência Social do município oferta os serviços da Casa do Cidadão, local que oferece a emissão da 2 via do CPF, porque ele só pode ser feito nos Correios ou Banco do Brasil. No caso da identidade, funciona como um posto fiscal, sendo coletado a digital do usuário e realizando o prontuário, podendo ser encaminhada para Fortaleza. É necessário que a população faça o agendamento antecipado, para emissão desses documentos, já que todos eles, são enviados para Fortaleza. Dessa forma, é requisitada a espera de uma média de 40 dias uteis para que a Secretaria receba essa papelada e a entregue para o usuário.

Com a demanda dessa documentação, muitas pessoas que moram no interior do município de Santa Quitéria estavam se deslocando até sede para realizar o agendamento. Tendo em vista toda essa procura, a Secretaria realizou um projeto itinerantes, onde eles se deslocam até os distritos e realizam todo o processo de agendamento, para emissão desses documentos. Além disso, a Secretaria está com o serviço semanal, onde a prefeitura disponibiliza um carro pra levar os usuários que tenham muita urgência na identidade (pessoas que estão com o bolsa família bloqueado, pessoas que possuam alguma tipo de deficiência, usuários que tenham processo na justiça), até Sobral, no Vapt Vupt.

A secretaria de Assistência Social, Rayana Bendor, relatou sobre a programação desse semestre nos distritos do município. “Nós já temos uma programação desse semestre, até dezembro nós vamos estar em grande parte das localidades, mas com prioridade na mais distante, nosso objetivo é trazer mais acessibilidade conforto aos usuários do nosso serviços”, declara ela.

A realização dos pedidos desses documentos é por agendamento. Deste modo, para realizar o pedido do RG, é obrigatório apenas a certidão de nascimento, mas caso o usuário já tenha o CPF, leve-o para fazer a inclusão no único documento.