Nova fábrica da Grendene no Ceará deve gerar mil novos empregos

Nova fábrica da Grendene no Ceará deve gerar mil novos empregos


A cidade do Crato, na Região do Cariri, será sede de uma nova fábrica da calçadista Grendene. O empreendimento tem construção prevista para 2022, com investimento na ordem de R$ 30 milhões. O anúncio a acionistas foi feito nessa sexta-feira (24).

De acordo com a Grendene, a nova unidade industrial terá área total de 10.800 m², com capacidade de ampliar a produção de calçados e componentes de EVA em 500 mil pares mensais.

Com a abertura da fábrica, serão gerados cerca de 1.000 novos empregos, segundo a empresa. No comunicado aos acionistas, a Grendene ressaltou que o Governo do Estado do Ceará aprovou a prorrogação e o aumento dos incentivos fiscais do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS), até 2032, para estabelecimentos localizados em Sobral, Crato e Fortaleza.

Outras fábricas
Três cidades cidades já possuem unidades industriais da Grendene. A primeira unidade fabril da marca em solo cearense foi implantada em 1990, em Fortaleza, no bairro Barra do Ceará, com capacidade anual de produzir 5 milhões de pares de calçados.

Já em 1993, foi construído um novo centro de produção em Sobral, no bairro Expectativa, ampliando a presença da calçadista no Ceará. Crato, que receberá a segunda fábrica da Grendene em 2022, já possui uma unidade fabril da empresa desde 1997, produzindo, atualmente, cerca de 12 milhões de pares de produtos de EVA por ano.