Polícia investiga maus-tratos a animais em cerimônia religiosa no Ceará

Polícia investiga maus-tratos a animais em cerimônia religiosa no Ceará

A Polícia Civil do Ceará investiga a origem de um vídeo contendo cenas de maus-tratos contra animais no município de Caucaia, na Região Metropolitana de Fortaleza. Segundo uma testemunha, as imagens foram compartilhadas na última quinta-feira (16), na rede social do suspeito de ser o autor do maus-tratos.

No vídeo, três galinhas aparecem penduradas pelos pés em um local onde são realizadas as celebrações de uma religião de matriz africana. Em determinado momento, um homem faz com que um dos animais rodopie no ar. "O pião vai começar a rodar agora. Roda, para ver quem vai ser o primeiro da sorte", diz ele durante o ato.

A galinha começa a se debater e o homem fala insultos contra o animal. "Nem comecei a rodar e já está se batendo por que vagabunda?".

A prática de sacralização de animais é comum em algumas religiões de ascendência africana, porém, conforme acordado entre os praticantes, o animal precisa ser morto de forma rápida e que não provoque dor. Segundo a polícia, as imagens já estão na posse dos profissionais de segurança e são usadas na investigação.


G1