Bolsonaro diz que não tomará a vacina contra a Covid-19

Bolsonaro diz que não tomará a vacina contra a Covid-19

 

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) afirmou que não tomará a vacina contra a Covid-19. A declaração foi dada em entrevista à Jovem Pan, nesta quarta-feira, 13. Caso não seja imunizado, o chefe do Executivo estará descumprindo com a própria palavra, já que em diversas oportunidades afirmou que seria “o último brasileiro” a ser imunizado no País.

"No tocante à vacina, eu decidi não tomar mais a vacina, estou vendo novos estudos, a minha imunização está lá em cima (...) para quê vou tomar vacina? Seria a mesma coisa de você jogar na loteria 10 reais para ganhar dois. Não tem cabimento isso daí", pontuou.

Bolsonaro poderia estar vacinado há meses considerando os critérios de vacinação da população. Ele vinha dando declarações públicas onde dizia que seria o último brasileiro a se vacinar ao passo em que criticava a obrigatoriedade da imunização. No último domingo, o presidente foi impedido de acompanhar um jogo de futebol em São Paulo (Santos vs Grêmio) por não estar vacinado.

Desde o início da pandemia, Bolsonaro segue questionando a adoção de medidas de proteção sanitária, como o uso de máscaras e o isolamento social, e passou a criticar a eficácia de algumas vacinas. O presidente já testou positivo para a Covid-19 em agosto de 2020.


O povo