Canindé: Justiça concede liberdade a genro envolvido em tentativa de homicídio de sogro que tinha relação com filha

Canindé: Justiça concede liberdade a genro envolvido em tentativa de homicídio de sogro que tinha relação com filha


A Vara Única da Comarca de Canindé concedeu, nesta segunda-feira, 25, liberdade provisória ao genro de Jaelson Camelo de Oliveira, de 39 anos. Antônio Herilson da Silva Lopes, 26, foi preso por ter ajudado a esposa de Jaelson, Maria Aparecida Barroso, a mandar matar o próprio marido. O suspeito havia informado à mulher que participou de uma relação na qual o sogro e a namorada (pai e filha) praticavam incesto.

A decisão foi assinada pelo juiz substituto Wallton Pereira de Souza Paiva, que mandou expedir o alvará de soltura do suspeito. Desta forma, o magistrado determinou a aplicação de medidas cautelares, mas não impôs o uso de tornozeleira eletrônica.

O juiz exigiu que Herilson compareça mensalmente em juízo, proibiu que ele se ausente do município por mais de oito dias ou mude de endereço e determinou que ele compareça a todos os atos do processo criminal.

A esposa de Jaelson, Maria Aparecida Barroso, foi solta pelo mesmo magistrado em 11 de outubro. Além das determinações que foram imputadas a Herilson, ela também deve se manter em casa entre 19h e 6h.

G1 CE