Máscaras são tão importantes quanto a vacinação contra Covid-19, diz infectologista

Máscaras são tão importantes quanto a vacinação contra Covid-19, diz infectologista


Para a infectologista Raquel Stucchi, a liberação do uso de máscaras “é algo a ser pensado, mas não para agora” no Brasil. Em entrevista à CNN, ela reforçou que o equipamento de proteção é “tão importante quanto a vacinação para controlar a pandemia”.

“Acho precipitado [liberar] porque, apesar de estarmos recentemente com a taxa de transmissão baixa, isso pode não se manter e o nosso porcentual de pessoas completamente vacinadas, pela experiência de outros países, não permitiria a flexibilização”, disse.

A infectologista afirmou que o coronavírus está circulando menos – a taxa de transmissão está atualmente em 0,68. “A gente fala que a pandemia está fora de controle quando está maior que 1, aceleramos a vacinação, que é uma medida que consegue controlar a pandemia, mas, sozinha, não consegue controlar 100%.”

Com mais de 18 milhões de brasileiros que estão com a segunda dose atrasada, Stucchi explicou os riscos: “As pessoas podem adoecer gravemente, necessitar de internação e até morrer pela Covid-19, é um percentual grande, que favorece que o vírus continue circulando, além do risco de aparecimento de novas variantes.”

CNN Brasil