Três pessoas da mesma família são baleadas e uma morre, no Ceará

Três pessoas da mesma família são baleadas e uma morre, no Ceará

Antônio Patrício da Costa Lima foi atingido na nuca e não resistiu, em Fortaleza.
Foto: Arquivo pessoal

Uma mulher e o neto dela, de 8 anos, foram feridos a tiros e um homem morreu, na noite desta terça-feira (5), no Bairro Bom Jardim em Fortaleza. O homem, que trabalhava como promotor de vendas em um supermercado, era primo da avó do menino.

O caso aconteceu na Rua Geraldo Barbosa, quando todas as vítimas estavam na calçada de uma residência. A criança, inclusive, brincava quando foi atingida. O g1 solicitou informações à Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) sobre o crime, mas até a publicação desta matéria não obteve resposta.

Familiares relataram que o menino foi atingido com um tiro no braço e outro de raspão no rosto. A avó dele, que não teve identificação ou idade repassadas, também foi lesionada com dois disparos, na região das costas. Ambos foram socorridos para o Hospital Distrital Maria José Barroso de Oliveira, conhecido como Frotinha da Parangaba. Contudo, a criança precisou ser transferida para o Hospital Instituto Dr. José Frota (IF), no Centro.

O homem de 30 anos foi identificado como Antônio Patrício da Costa Lima. Ele foi atingido com um disparo na nuca e outro no braço. Familiares e vizinhos ainda tentaram levá-lo à uma unidade hospitalar no Conjunto Ceará, mas ele faleceu no caminho. Testemunhas informaram que os tiros foram disparados por quatro suspeitos, que chegaram em três motocicletas. Os familiares alegam que os disparos foram feitos de maneira aleatória.

Todas as vítimas foram socorridas em veículos próprios, de familiares ou vizinhos. Testemunhas relataram ainda que, enquanto socorriam os atingidos, um dos criminosos retornou e fez mais disparos, mas não há detalhes se alguém foi atingido. O caso vai ser investigado pelo 32º Distrito de Polícia Civil, no Bairro Granja Lisboa, delegacia plantonista da região.

G1 CE