Adeilton Mendonça deve deixar Secretaria de Saúde até o final do mês

Adeilton Mendonça deve deixar Secretaria de Saúde até o final do mês


Assunto amplamente comentado no final de semana, a saída de Adeilton Mendonça da Secretaria de Saúde de Santa Quitéria pegou a população de surpresa. O troca-troca de secretários, que tem ocorrido com frequência nestes 11 meses de gestão, mirou em uma das mais importantes pastas e o enfermeiro deverá entregar oficialmente até o final do mês.

Adeilton e o prefeito Braguinha tiveram uma reunião na última sexta-feira (19), onde discutiram sobre a sua permanência no cargo. Até ser publicada no Diário Oficial bem como a nomeação do sucessor, deverão dirigir a secretaria de maneira administrativa nos próximos dias, a enfermeira Régia Tavares e o médico Yure Hermerson. Braguinha, no entanto, assegurou que quer iniciar dezembro já com um substituto no lugar de Adeilton.

Ao A Voz de Santa Quitéria, ambos contaram versões distintas do que ocorreu. O secretário afirmou que ainda não foi exonerado porém está saindo de maneira "amigável". Já o gestor declarou que o enfermeiro pediu demissão por "razões de cunho pessoal".


A reportagem colheu junto à fontes da administração que alguns fatos internos da Secretaria de Saúde motivaram chegar a tal ponto - porém não revelados -, bem como pesou a problemática que se agravou de maneira bem intensa nos últimos dias: falta de medicamentos na Central de Abastecimento Farmacêutico (CAF), que tem provocado reclamações entre os usuários.

Todavia nas redes sociais, muitas pessoas lamentaram a saída de Adeilton, tido como profissional correto e atencioso. Natural de Ibiapina, o mesmo assumiu a pasta em 1º de janeiro e seu trabalho foi reconhecido, principalmente quando Santa Quitéria enfrentou momento turbulento com a segunda onda da pandemia e ele com sua equipe tomou decisões duras porém necessárias para o enfrentamento.