Ciclistas de Santa Quitéria prestam homenagem ao seu Balacó, ponto de encontro dos pedais

Ciclistas de Santa Quitéria prestam homenagem ao seu Balacó, ponto de encontro dos pedais


Dezenas de ciclistas de Santa Quitéria se reuniram em uma pedalada especial na manhã do último sábado (27), na CE 176. O destino final era a casa onde sempre foram acolhidos no lado esquerdo da rodovia, para quem entra sentido ao distrito de Logradouro, ponto de referência para todas as pessoas indicando que está chegando na cidade: o Balacó.

Antonio Balacó Magalhães, de 86 anos, faleceu na segunda-feira passada (22), após ser colhido por uma viatura descaracterizada da Polícia Civil de Sobral, na altura do bairro Manduca Penteado. O idoso conduzia sua moto e não teria olhado pro lado ao entrar na pista, acontecendo a colisão. Apesar da idade, quase diariamente ele ia à sua propriedade.


Familiares do seu Balacó participaram da homenagem e receberam dos esportistas, uma placa destacando o mesmo como "um dos principais segmentos na rota dos pedais e que sua casa, onde morou por décadas continuará como point dos ciclistas". Muitas foram as histórias contadas de acolhidas proporcionadas por ele, seja pra uma parada, o pote pra tomar água, a conversa, entre outras e mesmo com a sua partida, os filhos colocaram a casa à disposição para que permaneça sempre como a parada obrigatória.