Mulher se defende de violência sexual e decepa pênis de agressor

Mulher se defende de violência sexual e decepa pênis de agressor


Um homem de 41 anos foi socorrido na cidade de Prados (MG) na madrugada da segunda-feira, 8, com mais de 80% do pênis decepado. Atendido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), ele alegou que sua vizinha era a responsável pela agressão.

A Polícia Militar de Minas Gerais (PMMG) localizou a suposta autora do crime na casa do filho dela. Abordada, a mulher, de 59 anos, afirmou se tratar de legítima defesa.

Segundo a mulher, o homem, que é sobrinho de seu marido, a perseguia e assediava há tempos, além de cometer abusos sexuais. Ele também a ameaçava para que não denunciasse as agressões sofridas. Ela afirmou que, temendo represálias, nunca prestou queixa.

No entanto, na última investida, ela teria se aproveitado de uma distração do homem e apanhado uma faca, que usou para se defender. Na briga, acabou cortando o genital do agressor.

Pela confissão do ato, a mulher foi presa em flagrante e autuada por lesão corporal. O homem foi transferido para um hospital de São João del-Rei e passou por uma cirurgia reconstrutiva no órgão mutilado.

O Povo Online