Três festas clandestinas são encerradas pela Polícia Militar no interior do Ceará

Três festas clandestinas são encerradas pela Polícia Militar no interior do Ceará

 

Três festas clandestinas foram encerradas na noite deste domingo (14) pela Polícia Militar no município de Barbalha, na Região do Cariri do Ceará. Segundo a polícia, as festas aconteceram no distrito de Caldas, Sítio Brejinho e no Centro da cidade.

As fiscalizações aconteceram em parceria com a Vigilância Sanitária de Barbalha e Departamento Municipal de Trânsito. A polícia afirmou que nos locais os participantes não utilizavam máscaras de proteção e não respeitavam o distanciamento social. Até esta segunda-feira (15), eventos sociais no Ceará só podem ser realizados com capacidade de até 800 pessoas em locais abertos, conforme decreto de medidas contra a Covid-19.

Nas festas no distrito, os organizadores não apresentaram resistência, atenderam ao pedido dos policiais e finalizaram o evento. Logo em seguida eles foram levados para a delegacia. Já no Centro, a festa acontecia em um posto de combustível. O estabelecimento foi notificado.

"Todas as festas com aglomeração com espaços para dança e pessoas desrespeitando o distanciamento social e sem máscaras de proteção. Além disso tivemos aglomerações em um posto de gasolina localizado no Centro de Barbalha. A pandemia ainda não acabou e precisamos utilizar a máscara e manter o distanciamento social", afirmou o coordenador de Vigilância Sanitária de Barbalha, Carlos Henrique Albuquerque.

G1 CE