Criminoso que exibia cédulas e cartões clonados nas redes sociais tem R$ 1 milhão em bens apreendidos no Ceará

Criminoso que exibia cédulas e cartões clonados nas redes sociais tem R$ 1 milhão em bens apreendidos no Ceará

 

Um homem de 25 anos, suspeito de chefiar um esquema de lavagem de dinheiro, foi preso nesta quarta-feira (22) na cidade de Itapipoca, no interior do Ceará. O criminoso, que não teve a identidade divulgada, ostentava nas redes sociais vídeos mostrando dinheiro que ganhava em golpes, de acordo com a Secretaria da Segurança. (veja acima os vídeos publicados pelo suspeito.)

Durante a ação, a polícia sequestrou bens de luxo do suspeito, como terrenos e imóveis avaliados em cerca de R$ 1 milhão. Além disso, o homem teve em torno de R$ 25 mil em criptomoedas e R$ 29 mil das contas bancárias bloqueados. Uma das casas do criminoso tinha uma academia particular.

Segundo a Polícia Civil, o suspeito abria contas fraudulentas em instituições financeiras com documentos falsos. Em seguida, ele comprava bens e registrava em nome de "laranjas", o que configura lavagem de dinheiro.

  

Foram apreendidos com o suspeito cartões magnéticos, impressoras utilizadas para a falsificação, uma televisão, equipamentos de uma academia particular. Além do sequestro de terrenos e imóveis, R$ 29 mil foram bloqueados de contas bancárias.

A captura faz parte da 4ª fase da Operação "Fragmentado", realizada em março deste ano contra um grupo de "cartãozeiros" suspeito de movimentar cerca de R$ 35 milhões em fraudes no Ceará.

As investigações sobre o caso são conduzidas pela Delegacia de Combate aos Crimes de Lavagem de Dinheiro.

G1 CE