Corpo de homem é encontrado dentro de carro com bilhete: ‘Talarico tem que morrer’

Corpo de homem é encontrado dentro de carro com bilhete: ‘Talarico tem que morrer’


O corpo de um homem de 62 anos foi encontrado dentro de um carro na MG-179, em Alfenas, no Sul de Minas, na noite dessa quinta-feira (13). Dentro do veículo, também estava um bilhete com os dizeres: “talarico tem que morrer”.

Um morador da região acionou a Polícia Militar ontem e informou que um Honda Civic prata estava parado às margens da rodovia, com o motor ligado e os faróis acesos, desde quarta-feira (12). Já no local, os militares encontraram o corpo da vítima já em estado de decomposição.

O corpo de Cilso Ivan do Monte Anunciação tinha duas perfurações causadas por tiro de arma de fogo, uma no pescoço e outra entre a testa e os olhos. O bilhete, escrito com caneta em papel branco, estava no painel do carro. “Quer comer mulher dos outros, vai comer bala. Seu ‘fdp’ desgraçado”, completava a mensagem.

Esposa registrou desaparecimento
A perícia da Polícia Civil foi acionada e realizou os trabalhos no local, identificando a vítima. Com a identificação, a PM descobriu que a esposa de Cilso Ivan havia registrado o desaparecimento dele em uma base comunitária móvel da corporação ainda na quinta-feira.

Segundo o registro, a mulher não via o marido desde o dia anterior, data em que a Polícia Militar acredita que ele tenha sido assassinado. A esposa da vítima foi até o local e confirmou a identidade do marido. Um documento de identificação também foi encontrado no carro.

Investigações
Após a perícia da Polícia Civil, o corpo da vítima foi liberado para a funerária local, para depois ser encaminhado ao IML (Instituto Médico-Legal). Um guincho foi chamado para remover o veículo das margens da MG-179. De acordo com a Polícia Militar, as pesquisas feitas com a placa do carro mostraram que o veículo não estava licenciado no nome de Cilso Ivan, e sim no nome de alguém residente em Campos Gerais, também no Sul de Minas.

BHAZ