Suspeito de matar irmão por LGBTfobia é preso pela Polícia Civil no interior do Ceará

Suspeito de matar irmão por LGBTfobia é preso pela Polícia Civil no interior do Ceará

 

Um homem de 46 anos foi preso suspeito de matar o próprio irmão a facadas por LGBTfobia. O crime aconteceu na terça-feira, 11, na cidade de Iguatu, no Ceará, e o homem foi preso em menos de 12 horas após o caso. A apuração da Polícia Civil do Ceará, que é responsável pela prisão, aponta que o crime foi motivado pela discriminação em razão da orientação sexual da vítima.

O preso identificado como José Elidomar Pereira Lima, de 46 anos, foi ouvido e autuado por homicídio qualificado pelo motivo torpe, em razão da conduta homofóbica.

De acodo com a Polícia Civil, as investigações foram deflagradas por equipes da Delegacia Regional de Iguatu, logo após o crime ser registrado nessa terça-feira, 11, no bairro Jardim Oásis. A vítima de 36 anos foi lesionada a faca e não resistiu aos ferimentos.

José Elidomar Pereira Lima foi encaminhado à unidade policial, onde foi ouvido e autuado, divulgou a Polícia Civil.

O povo