Mortes em Petrópolis chegam a 171; já foram identificadas 139 vítimas


O Corpo de Bombeiros do Rio de Janeiro informou, na noite deste domingo (20/2), que o número de mortos por causa dos deslizamentos e enchentes provocados pelas chuvas em Petrópolis, região serrana do estado, chegou a 171. A Polícia Civil já identificou 139 vítimas.

As equipes conseguiram resgatar, até agora, sexto dia de buscas, 24 pessoas com vida. Nem todas as vítimas que morreram foram identificadas até o momento. Ainda segundo a Polícia Civil, há mais de 100 desaparecidos.

Nesta segunda (21), o Corpo de Bombeiros está no sétimo dia de buscas por desaparecidos, com um efetivo de cerca de 500 militares atuando nas áreas de desastre. Além disso, moradores da cidade ajudam nas escavações.


Para ajudar nas buscas, o Corpo de Bombeiros do Rio conta com a ajuda de 79 militares e 36 cães farejadores de corporações de outros estados, como São Paulo, Espírito Santo, Minas Gerais, Mato Grosso, Tocantins, Mato Grosso do Sul, Maranhão, Paraíba, Rio Grande do Norte, Sergipe, Alagoas, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná.

A Prefeitura de Petrópolis informou que, até o último sábado (19/2) 90 pessoas vítimas das chuvas foram sepultadas no Cemitério do Centro, sendo uma vítima quarta-feira (16/2), 17 na quinta (17/2), 28 sepultamentos na sexta-feira (18/2) e 44 enterros no sábado.

Metrópoles
Postagem Anterior Próxima Postagem