Saúde repassa R$ 160 milhões para tratamento de sintomas pós-Covid


O Ministério da Saúde anunciou, nesta quarta-feira (16/2), a publicação de duas portarias que repassam verba para o atendimento de pacientes com sequelas da Covid-19 nas redes municipais de Atenção Primária à Saúde.

A primeira delas destina R$ 160 milhões para tratamento de sintomas pós-coronavírus. O segundo repasse é de R$ 263 milhões para 2,1 mil Centros de Atendimento para o Enfrentamento à Covid-19 e 82 centros comunitários, em 21 municípios.

Segundo dados apresentados pelo órgão, 30% a 75% dos pacientes que tiveram Covid apresentam sintomas após a doença.

De acordo com o ministério, os principais sintomas são cansaço, falta de ar, tosse, dor torácica, perda de olfato e paladar, dor de cabeça, tontura, alterações de memória, ansiedade e depressão.

Os R$ 160 milhões serão repassados aos municípios e ao Distrito Federal. Com o recurso, os gestores locais poderão contratar novos profissionais, construir espaços de tratamento e adquirir materiais.

Cada município será enquadrado em uma categoria de prioridade: alta, média e baixa. “O índice leva em consideração quantitativo de equipes, índice de vulnerabilidade social, porte populacional e taxa de mortalidade por Covid”, informou o órgão.

“O Brasil hoje tem essa resposta e tem condição de alocar esses recursos para os estados e municípios. Durante a pandemia, em 2020 e 2021, ampliamos o orçamento do Ministério da Saúde em R$ 100 bilhões”, afirmou Marcelo Queiroga, ministro da Saúde.

Metrópoles

Postagem Anterior Próxima Postagem