"Deus, será que vou morrer?", disse Marília Mendonça em áudio horas antes do acidente de avião


O colunista Leo Dias, do site Metrópoles, adiantou detalhes da entrevista a ele concedida por Dona Ruth Dias, mãe da saudosa Marília Mendonça, e que deve ir ao ar nesta semana. Ao jornalista, ela revelou, por exemplo, que ainda mantém intacto o quarto da artista - falecida em 5 de novembro do ano passado, aos 26 anos, após um acidente aéreo - na casa na qual moravam. 

Outra revelação impactante é a de que ela preserva inclusive a roupa que Marília vestia no dia do acidente, que teria sido entregue a ela sem ser lavada, ainda com manchas de óleo. Outro item que ela faz questão de conservar é o celular com o qual a filha viajava. O mais chocante é que, de acordo com Dias, Marília havia enviado um áudio à amiga Maraisa, no qual brincava que achava que iria morrer: "Meu Deus, será que eu vou morrer?".

No celular, também foram encontradas fotos e vídeos que a cantora fez ao lado do produtor, Henrique Bahia, e do tio, Silveira, já dentro do avião. De acordo com o colunista, uma imagem toda preta chegou a ser captada pelo aparelho às 15h17 do fatídico dia, justamente o momento em que, segundo os cálculas da perícia, a aeronave deve ter caído (em Piedade de Caratinga, Minas Gerais).

A Leo Dias, Ruth também emocionou ao dizer que voltaria a vender coxinhas nas ruas "só para ter a Marília de volta". Ruth Dias já havia revelado que a turnê Patroas não foi cancelada por desejo dela ou de qualquer outro integrante da família da cantora. Segundo Ruth, tanto a família de Marília como a dupla Maiara & Maraisa, em conjunto com a empresa Workshow, se mobilizaram para que este projeto continuasse, mas alguns empecilhos legais fizeram com que esta turnê não continuasse na estrada.

O Tempo
Postagem Anterior Próxima Postagem