Dois PMs e outros sete homens são presos suspeitos de homicídios no interior do Ceará


Dois policiais militares e outros sete homens foram presos nesta quarta-feira (23), suspeitos de homicídios em cidades do interior do Ceará. As capturas ocorreram nos municípios de Campos Sales, Salitre e Tauá, durante a Operação "Magnum Finalem".

Os dois PMs capturados possuem antecedentes criminais. O agente de 41 anos responde por homicídio doloso e ameaça. Já o outro policial, de 32 anos, por homicídio. A identificação dos militares não foi informada.

Também foram presos por cumprimento de mandado de prisão durante a operação: um homem de 34 anos, com antecedente por homicídio doloso; um homem de 28 anos, com antecedente por posse irregular de arma de fogo de uso permitido; um homem de 37 anos, com antecedente por porte ilegal de arma de fogo de uso permitido; um homem com 26 e outro com 51 anos, ambos sem antecedentes criminais.

Ainda foram capturados outros dois homens, com 23 e 29 anos, presos em flagrante por posse irregular de arma de fogo de uso permitido - o primeiro deles também tinha um mandado de prisão em aberto.

Conforme a Polícia Civil, a ação é resultado de uma investigação desencadeada pela Delegacia Municipal de Campos Sales, relacionada a crimes ocorridos na cidade e em municípios vizinhos. Durante o trabalho investigativo, os policiais civis colheram elementos, que possibilitaram a identificação dos suspeitos e a expedição de mandados de prisão, busca, apreensão e acesso a dados telefônicos, deferidos pelo Judiciário.

Apreensões
Com o grupo, os policiais civis da Delegacia Municipal de Campos Sales apreenderam uma arma de fogo, diversas munições, nove aparelhos celulares, quatro chips telefônicos, e uma quantia em dinheiro. O material foi encaminhado à unidade da Polícia Civil que mantém as investigações. Os suspeitos foram encaminhados para uma unidade do sistema prisional.

A ação ainda contou com a participação da Delegacia Regional de Juazeiro do Norte, por meio do Núcleo de Homicídios e Proteção à Pessoa (NHPP), Delegacia Regional do Crato, Delegacia Regional de Tauá e das Delegacias Municipais de Araripe e Assaré. Além da PC-CE, ainda participaram o Batalhão de Divisas da Polícia Militar do Ceará (PMCE), o Comando de Policiamento de Rondas e Ações Intensivas e Ostensivas (CPRaio) e Assessoria de Inteligência (ASINT) da PMCE.

G1 CE
Postagem Anterior Próxima Postagem