Estudante de 15 anos morre de choque ao ligar ventilador no Ceará


A estudante Maria Clara Sousa Cordeiro Loiola, de 15 anos, morreu eletrocutada ao tentar ligar um ventilador da sua residência no Bairro Cidade Nova, em Quiterianópolis, a 410 km de Fortaleza.

De acordo com a Polícia Civil, a jovem estava em seu quarto e foi ligar o ventilador. Ainda conforme a polícia a jovem ainda foi socorrida para um hospital, mas não resistiu. O corpo da estudante foi encaminhado para a Perícia Forense de Tauá, cidade distante 67 km do local do acidente.

A polícia investiga em que condições a garota sofreu o choque e se a forte chuva que ocorria na cidade no momento do incidente teve alguma influência.

Cuidados
O Corpo de Bombeiros orienta que, no caso de um choque elétrico em casa, onde a tensão é mais baixa, quem quiser socorrer a vítima deve, em primeiro lugar, desligar a energia da residência. Caso não seja possível, deve-se tentar separar a pessoa do fio com uma vassoura ou objeto de plástico.

O cuidado deve ser redobrado se o chão estiver molhado, a pessoa que estiver ajudando pode levar um choque também. Depois de interrompida a descarga elétrica, caso a vítima esteja inconsciente, sem pulso ou respiração, a orientação dos bombeiros é que se faça a massagem cardíaca, com pressão moderada no centro do peito, e respiração boca a boca.

G1 CE
Postagem Anterior Próxima Postagem