Idosa furta relógio esquecido em bandeja no Aeroporto e é presa


Uma idosa de 73 anos foi presa pela PF (Polícia Federal), no Aeroporto Internacional Tancredo Neves, em Confins, na Grande BH, na manhã de ontem (7). A suspeita teria furtado um relógio esquecido por outra passageira em uma bandeja de raio-x antes do embarque.

De acordo com a PF, a passageira havia esquecido o relógio na bandeja. Quando percebeu, ao retornar para reclamar o aparelho, verificou-se, por meio de imagens do circuito de câmeras, que outra passageira teria encontrado o dispositivo, levando-o consigo para dentro da aeronave.

A PF descobriu o voo da idosa e foi até a aeronave em questão, na qual encontraram o item furtado e deram voz de prisão à suspeita. Ela foi retirada do avião e o relógio devolvido à proprietária. A idosa foi encaminhada para a Polícia Civil de Vespasiano, instituição com atribuição para apurar os fatos.

Operação contra furtos

A PF costuma fazer operações contra furtos no Aeroporto de Confins. Em maio do ano passado, o órgão, a PF fez uma em que o objetivo era combater furtos praticados por uma quadrilha em uma loja que teve cerca de R$ 600 mil de prejuízo. Os envolvidos podem ser condenados a até 16 anos de prisão pelos crimes de formação de quadrilha e furto.

A PF informou que durante os trabalhos de investigação foi descoberto que funcionários da loja integravam a quadrilha. Uma mulher, que se passava por passageira, ia até a área de embarque com um bilhete aéreo e após ter a ajuda de duas comparsas, furtava os produtos da empresa. Tudo era colocado na mala e ela saía, na sequência, pela área de desembarque. As tarefas eram bem distribuídas entre os integrantes do grupo criminoso e cada um tinha um papel a desempenhar.

Para se ter ideia da organização, a PF informou que um funcionário de outra empresa também participava da quadrilha. O homem aproveitava que possuía credencial de livre acesso na área restrita do aeródromo e colocava os produtos furtados em mochilas. Somente entre agosto de 2018 a janeiro de 2021 foram encontrados 28 registros de acesso à sala de embarque doméstico pela falsa passageira. Ela embarcou, de fato, apena duas vezes.

BHAZ

Postagem Anterior Próxima Postagem