Mercado Livre: Dados de 300 mil usuários vazam


Dados de cerca de 300 mil usuários do Mercado Livre vazaram nesta segunda-feira (7). Segundo comunicado da empresa, parte do código-fonte foi alvo de acesso não autorizado. No entanto, de acordo com a companhia, não há nenhuma evidência de que seus "sistemas de infraestrutura tenham sido comprometidos ou que tenham sido obtidas senhas de usuário, saldos em conta, investimentos, informações financeiras ou de cartão de pagamento".

Na última semana, inúmeros clientes do banco Itaú usaram as redes sociais para informar que detectaram problemas em suas contas. Enquanto alguns correntistas relataram que seu saldo desapareceu, outros afirmaram que foram feitos saques não identificados. Em contrapartida, houve casos, também, de entrada de dinheiro não especificado e pagamentos realizados que voltam às contas dos clientes.

No dia seguinte, clientes do Banco do Brasil e do Nubank também reportaram problemas com os aplicativos das instituições. Operações no internet banking e login no aplicativo eram as principais queixas sobre o Banco do Brasil, que afirmou que uma atualização de firmware originou problema ao longo do dia e dificultou o acesso a seu app. Já entre clientes do Nubank, o saldo em conta e as transferências de valores apareciam como os principais problemas registrados.

Revista Fórum
Postagem Anterior Próxima Postagem