Mulher morre eletrocutada ao encostar em poste de iluminação

 

Uma mulher morreu eletrocutada nessa quinta-feira (3/3) após encostar em um poste de iluminação pública na Zona Oeste de São Paulo. Fernanda Alessandra Liberi Guimarães, de 46 anos, estava perto de um ponto de ônibus quando tomou um choque e morreu no local.

Segundo familiares da vítima, ela havia saído de casa às 18h30 para comemorar o seu aniversário. Fernanda atravessou a rua para pegar o ônibus na parada do canteiro central da Avenida Marquês de São Vicente, em frente ao Centro de Treinamento do São Paulo.

Policiais militares estavam passando pela via quando viram a mulher agarrada ao um poste metálico, já sem vida. Ela deixa três filhos.

Em nota ao G1, a Enel afirmou que está apurando o caso, mas que o poste não é da empresa e sim da prefeitura. A gestão municipal disse que o poste de responsabilidade do município passou por medição e não foi constatado nenhum problema.

O caso está sob investigação pelo 7º Distrito Policial, na Lapa.

Metrópoles

Postagem Anterior Próxima Postagem