Fundador do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Santa Quitéria será homenageado com denominação da UADAF


Iniciada em 2014, será entregue oficialmente para o uso dos agricultores familiares de Santa Quitéria. Nesta quarta-feira (06), será inaugurada a Unidade de Abastecimento e Distribuição da Agricultura Familiar (UADAF) no bairro Flores, que leva o nome de Manoel Viana de Oliveira, conhecido popularmente como Manduca do Sindicato.

O equipamento está devidamente estruturado e equipado, para atender a demanda da organização local e distribuição dos produtos oriundos do interior quiteriense, tendo custado mais de R$ 510 mil ao longo de oito anos. A solenidade acontecerá a partir das 18h, ao lado do antigo campo de aviação.

Biografia
Manuel Viana de Oliveira era natural da fazenda Grossos, no distrito de Muribeca. Viajou na década de 50 para o Rio de Janeiro e depois São Paulo, em busca de melhores oportunidades de vida. Lá conheceu o movimento sindical, na categoria de empregados do comércio hoteleiro e 18 anos depois, retorna à sua terra natal, trazendo na bagagem conhecimento e o processo para fundar o Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Santa Quitéria.

Por admiração a esta classe produtiva, fundou em 29 de março de 1970 e dela foi presidente por 26 anos, reconhecido como um gestor atuante e compromissado com a causa rural. Participou do processo de desapropriação da fazenda Grossos, onde havia grande conflito agrário e criando, a partir de então, o assentamento Grossos. 

Casou-se com Antônia Elizabethe Barbosa, cuja união teve quatro filhos: Rosângela, Valdiana, Geovane e Jonas e faleceu aos 84 anos, em 06 de fevereiro de 2016, na fazenda Sossego, distrito de Trapiá, onde residiu por último.
Postagem Anterior Próxima Postagem