Atuando a mais de dois anos, SAMU em Santa Quitéria realiza até quatro atendimentos por dia

Foto: Werbson Martins

Com mais de dois anos de atuação, a base do Serviço de Atendimento de Urgência (Samu) em Santa Quitéria vem salvando vidas diariamente. As ocorrências mais comuns são as classificadas como urgência e emergência, como casos de traumas, oriundos em sua maioria de acidentes de trânsito. A demanda varia diariamente, mas a equipe chega a realizar até quatro atendimentos por dia.

Só no ano de 2021, a base do Samu em Santa Quitéria realizou mais de 729 chamadas. Em 2022, já foram 250 procedimentos realizados até 21 de abril. Com duas ambulâncias para atendimento nível básico e avançado, a base quiteriense conta com uma equipe de enfermeiros, técnicos, médicos socorristas e condutores-socorristas.

Foto: Viviany Morais

Após uma pessoa ligar relatando um ocorrido, o procedimento seguido pela equipe é colher as informações sobre o paciente para avaliação preliminar que determina se uma equipe se deslocará até o local da ocorrência ou se as orientações serão passadas apenas pela chamada. Em caso de deslocamento da equipe, através da ligação são repassadas as instruções para as primeiras ações até a equipe chegar ao local.

Segundo relatado pelos socorristas, o único ponto de dificuldade durante uma ocorrência são as obstruções das ruas por veículos que impedem que a ambulância se desloque rapidamente mesmo com a sirene ligada, que sinaliza a urgência da equipe em se deslocar até o local de um incidente.

Quando chamar o SAMU
O SAMU pode ser acionado através do número 192, para casos de urgência ou emergência, como:
  • Na ocorrência de problemas cardiorrespiratórios;
  • Intoxicação exógena e envenenamento;
  • Queimaduras graves;
  • Na ocorrência de maus tratos;
  • Trabalhos de parto em que haja risco de morte da mãe ou do feto;
  • Em tentativas de suicídio;
  • Crises hipertensivas e dores no peito de aparecimento súbito;
  • Quando houver acidentes/traumas com vítimas;
  • Afogamentos;
  • Choque elétrico;
  • Acidentes com produtos perigosos;
  • Suspeita de Infarto ou AVC (alteração súbita na fala, perda de força em um lado do corpo e desvio da comissura labial são os sintomas mais comuns);
  • Agressão por arma de fogo ou arma branca;
  • Soterramento, Desabamento;
  • Crises Convulsivas;
  • Transferência inter-hospitalar de doentes graves;
  • Outras situações consideradas de urgência ou emergência, com risco de morte, sequela ou sofrimento intenso.

Trote é crime
Em 2022, o Serviço de Atendimento de Urgência (SAMU 192) já recebeu mais de 6 mil ligações relatando ocorrências falsas, conhecidas como trote. Essas ligações são delituosas e prejudicam o atendimento de casos reais.

Em maio à pandemia de Covid-19, em 2021, o ex-governador do Ceará, Camilo Santana, sancionou a lei que responsabiliza quem fizer trote contra serviços públicos estaduais. O delito está previsto no artigo 340 do Código Penal, possibilitando pena que pode variar de seis meses a um ano para quem cometer a ação.
Postagem Anterior Próxima Postagem