Bolsonaro acumula ao menos 11 infrações gravíssimas de trânsito, mas não é multado

Foto: Anderson Riedel/PR

O presidente Jair Bolsonaro cometeu ao menos 11 infrações gravíssimas de trânsito que, para o cidadão comum, resultariam em multa de R$ 293,47, sete pontos cada na CNH, e na suspensão direta do direito de dirigir. As transgressões ao Código de Trânsito Brasileiro (CTB) ocorreram em passeios individuais ou motoristas promovidas pelo presidente da República. Nessas ocasiões, ele não usou capacete ou utilizou o equipamento fora das especificações exigidas pela legislação.

Bolsonaro, no entanto, nunca foi multado ou sequer advertido pelas autoridades locais, que fecharam os olhos para as infrações cometidas pelo chefe do Executivo. A última delas foi registrada nesse sábado (7) em Santa Rosa, no Rio Grande do Sul, onde o presidente promoveu uma motociata com apoiadores.

Na cidade gaúcha, ele participou da 23ª edição da Feira Nacional da Soja (Fenajosa) e transmitiu o ato de apoio pelas redes sociais. De acordo com o CTB, o condutor também é responsável pelo uso do capacete do carona. Nem Bolsonaro nem a pessoa que o acompanhava usava o equipamento de proteção.

Quixeramobim Agora
Postagem Anterior Próxima Postagem