Bolsonaro diz que Brasil tem estoque garantido de diesel para 40 dias

Foto: Divulgação

O presidente Jair Bolsonaro (PL) afirmou em entrevista exclusiva ao programa Alerta Nacional, da Rede TV!, nesta segunda-feira (30/5), que o Brasil teria estoque de combustível suficiente para 40 dias em um cenário de desabastecimento. Citou, ainda, a possibilidade de campanha para economizar diesel, caso essa circunstância venha a se concretizar.

“Não [temos risco de desabastecimento] ainda. Nós precisamos de refino. Se o mundo subir muito o preço dos combustíveis, não destilar lá fora, não refinar, pode faltar, não só para nós, para o mundo todo. Temos que importar gasolina e diesel, porque não temos capacidade de refino”, ressaltou o presidente.

A estimativa de 40 dias, no entanto, se refere somente ao que o Brasil tem em estoque. Cerca de 30% do total consumido é importado, o que não entra na conta.

Bolsonaro não poupou novas críticas à Petrobras durante conversa com o apresentador Sikêra Júnior, e afirmou que, “se tudo der certo”, a privatização da empresa levará 4 anos. “Logicamente que vai ser um negócio complicado. Agora, o que não pode é a Petrobras ser uma semiestatal com um monopólio do Brasil. A Petrobras não passa por mim, ela é praticamente autônoma”, declarou.

O presidente também voltou a criticar os “lucros excessivos” da empresa: “A Petrobras tem seus problemas, mas não tenho como mandar lá. Temos que respeitar o livre mercado, mas a Petrobras abusa. A Petrobras não precisa desse lucro excessivo e, no momento, não tem qualquer responsabilidade, quer mais é arrancar dinheiro do povo”.

Metrópoles
Postagem Anterior Próxima Postagem