Corpo é encontrado em casarão abandonado e polícia investiga se é de criança desaparecida no Ceará

Casarão abandonado onde foi encontrado corpo em Juazeiro do Norte, no Ceará. — Foto: Reprodução

A Polícia Civil do Estado do Ceará (PC-CE) iniciou buscas para investigar se um corpo achado na última quinta-feira, 19, é de uma criança de 9 anos desaparecida em Juazeiro do Norte. De acordo com a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), as investigação começaram após um corpo ter sido encontrado em avançado estado de decomposição em um casarão abandonado, no bairro Franciscano.

Um procedimento policial foi registrado, e as equipes da Polícia Civil estão colhendo informações para elucidação do caso. O corpo foi encaminhado à Perícia Forense do Estado do Ceará (Pefoce), no núcleo da Região Sul, com sede em Juazeiro do Norte. Segundo a SSPDS, foi realizada uma necropsia e uma amostra biológica foi coletada para a identificação da vítima através do DNA Forense.

Por conta do abandono de mais de 15 anos do espaço, o qual foi construído na década de 1970, o local atualmente seria ponto de atividades criminosas. Moradores das proximidades dizem que o lugar "se tornou há muito tempo um ponto de usuário de drogas".

Identificação da vítima
O corpo pode ser de Paulo Isaac Moreira de Sousa, de 9 anos, que está desaparecido desde o dia 6 de maio, quando saiu de casa com destino à escola Izabel da Luz. A mãe da criança esteve na Pefoce na última terça-feira, 17, e cedeu amostra de DNA para realizar a comparação do perfil genético. A SSPDS, agora, aguarda os resultados dos testes, que serão feitos na sede da Pefoce, em Fortaleza, para identificar a vítima.

A SSPDS informou em nota que o desaparecimento da criança só foi comunicado à Polícia após a localização do corpo. A demora na identificação acontece, de acordo com a Pefoce, porque é necessário empregar "métodos mais complexos", os quais requerem um tratamento mais específico para a coleta do perfil genético. Após a realização de todos os exames necessários, o laudo será encaminhado para a Polícia Civil do Estado do Ceará (PC-CE).

Nessa quinta-feira, 19, a escola Izabel da Luz, onde Paulo estudava, emitiu nota de pesar e comunicado informando paralisação das aulas por conta da suposta morte do garoto. A Prefeitura de Juazeiro do Norte, por meio da Secretaria Municipal de Educação, enviou nota ao O POVO esclarecendo que a confirmação da morte do aluno foi dada pelo tio, responsável pela criança, à direção da unidade escolar.

Segundo a Secretária de Educação, com o surgimento de novas informações, que contradizem o que foi passado pelo familiar, eles entraram em contato com a Perícia Forense do Ceará e aguardam os resultados dos exames que elucidarão o caso.
O Povo Online
Postagem Anterior Próxima Postagem