Proprietário de ótica é preso suspeito de tocar no corpo de mulher enquanto vítima fazia exame oftalmológico no Ceará


O proprietário de uma ótica foi preso na última sexta-feira (29) suspeito de tocar no corpo de uma jovem de 21 anos no momento em que a vítima passava por um exame oftalmológico em Caucaia, na Região Metropolitana de Fortaleza. Segundo a Polícia Civil, o proprietário do estabelecimento, um homem de 59 anos, também teria feito perguntas de cunho pessoal e íntimo para a vítima.

A Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) informou que a prisão foi feita por equipes da Polícia Militar. O suspeito foi localizado e conduzido para a Delegacia de Defesa da Mulher de Caucaia, onde foi autuado em flagrante por importunação sexual. Posteriormente, o poder judiciário converteu a prisão para preventiva.

Ainda conforme a Polícia Civil, o proprietário da ótica já possuía antecedente criminal por lesão corporal no âmbito da violência doméstica. Ele está preso e encontra-se à disposição da justiça.

Denúncias

A população pode contribuir com as investigações repassando informações que auxiliem os trabalhos policiais referentes a essas práticas delituosas. As denúncias podem ser feitas para o número 181, o Disque-Denúncia da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), e para o (85) 3101-0181, que é o número de WhatsApp, por onde podem ser feitas denúncias via mensagem, áudio, vídeo e fotografia.

As denúncias podem ser feitas ainda para o (85) 3101-7926, da DDM de Caucaia. O sigilo e o anonimato são garantidos.

G1 CE
Postagem Anterior Próxima Postagem