Suspeito de tentativa de feminicídio contra ex-companheira é preso no interior do Ceará

Vítima foi socorrida por moradores - Foto: Divulgação/SSPDS

Um homem suspeito de tentar matar sua ex-companheira foi preso na manhã desta terça-feira, 7, no município de Arneiroz, no interior do Ceará. Segundo informações da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), o suspeito teria atingido a vítima com golpes de algum objeto perfurocortante.
      
A ação criminosa aconteceu na noite do último domingo, 5. O suspeito, de 33 anos, foi encontrado pelas autoridades policiais em via pública, em uma localidade da região. Já a vítima, de 22 anos, foi levada por populares para uma unidade hospitalar.

O homem foi conduzido para a Delegacia Regional de Tauá, onde foi autuado em flagrante por tentativa de homicídio. Ele já tinha um mandado de prisão preventiva em aberto por outra tentativa de homicídio, também em Arneiroz. Agora, o suspeito encontra-se à disposição da Justiça.

Violência contra a mulher - o que é?
A violência doméstica e familiar constitui uma das formas de violação dos direitos humanos em todo o mundo. No Brasil, a Lei 11.340, conhecida como Lei Maria da Penha, caracteriza e enquadra na lei cinco tipos de violência contra a mulher: física, psicológica, moral, sexual e patrimonial.

Entenda as violências:
  • Violência física: espancamento, tortura, lesões com objetos cortantes ou perfurantes ou atirar objetos, sacudir ou apertar os braços.
  • Psicológica: ameaças, humilhação, isolamento (proibição de estudar ou falar com amigos).
  • Sexual: obrigar a mulher a fazer atos sexuais, forçar matrimônio, gravidez ou prostituição, estupro.
  • Patrimonial: deixar de pagar pensão alimentícia, controlar o dinheiro, estelionato.
  • Moral: críticas mentirosas, expor a vida íntima, rebaixar a mulher por meio de xingamentos sobre sua índole, desvalorizar a vítima pelo seu modo de se vestir.
O Povo Online
Postagem Anterior Próxima Postagem