'Você cumpriu sua missão', diz mulher de brasileiro que morreu na guerra da Ucrânia

Foto: Instagram/ Reprodução

O brasileiro André Luís Hack Bahi, morto em confronto na guerra entre a Rússia e Ucrânia, foi homenageado nesta sexta-feira (10) pela mulher dele, Riana Maria Andrade Moreira, de 30 anos. Os dois se conheceram em Quixadá, no interior do Ceará. Em uma publicação na rede social, Riana postou um vídeo com fotos do casal e da filha deles de 3 anos, seguido de um texto.

"Amor fica em paz, pois você cumpriu sua missão aqui na terra. Você pediu para que eu não chorasse, pediu para que eu siga em frente caso algo te acontecesse, sinceramente não vai ser nada fácil, hoje percebi que a dor vai ser inevitável por um bom e longo tempo, não uma dor de remorso e sim uma dor de saudades, de saber que infelizmente eu perdi um pedaço dos meu dias", escreveu Riana.

Além de Quixadá, André Hack também morou em Fortaleza. Na capital cearense, ele trabalhou como segurança armado de shopping e de carro forte, como revendedor autônomo de celulares e como motorista de aplicativo.

A morte do brasileiro na Ucrânia foi confirmada pelo Ministério das Relações Exteriores e pela irmã dele, Letícia Hack Bahi, que mora em Porto Alegre, cidade natal de André. Em nota, o Itamaraty afirma que ele morreu "em decorrência do conflito naquele país e mantém contato com familiares para prestar-lhes toda a assistência cabível, em conformidade com os tratados internacionais vigentes e com a legislação local". De acordo com a família, a morte teria ocorrido no sábado (4), em meio a um combate.

Na postagem, Riana afirma que ela e André estavam juntos há 4 anos, período em que passaram "por muitos momentos bons e ruins".

"Palavras nenhuma vão conseguir descrever tudo que vivemos. Desde o início, você conseguiu ganhar o melhor de mim. Passamos por muitos momentos bons e ruins, foi difícil, mas conseguimos. Te apoiei em tudo, mesmo sendo contra a minha vontade. Aiii Amor, tenho minha alma limpa, pois sei que te falei até você cansar de ouvir o quanto eu te amo, o quanto eu tenho orgulho de você.

Natural de Porto Alegre, André escolheu o Ceará para viver. A relação do gaúcho com as cidades cearenses era tão íntima, que o corpo dele deve ser cremado e, as cinzas, jogadas em Quixadá. Além da menina que teve com Riana, ele deixa outros 6 filhos.

G1 CE

Postagem Anterior Próxima Postagem