Acilon Gonçalves em evento bolsonarista: “Deste encontro sairá o vencedor para o governo do Estado”

Foto: Gabriel Amora/Focus.jor

Em evento de apoio à reeleição do presidente Bolsonaro (PL), o dirigente do partido no Ceará e prefeito de Eusébio, Acilon Gonçalves, disse que a sigla só irá definir se terá candidato próprio ou se apoiará algum outro nome após o dia 15 deste mês.

A expectativa, no entanto, é que fosse anunciado o nome de Capitão Wagner (União Brasil), visto que o pré-candidato foi convidado pelo próprio Acilon a participar da noite. Para Wagner o convite foi perfeito, dado que o pré-candidato tem buscado dialogar com o partido bolsonarista na tentativa de fechar mais uma aliança. Ao todo, ele já tem cinco siglas pactuadas.

“Hoje (6) foi anunciado o apoio irrestrito dos que estão aqui ao presidente Bolsonaro no Ceará”, pontuou quando indagado sobre a união com Wagner. Em seguida, o prefeito destacou que “daqui, deste evento, sairá o vencedor na eleição para o governo do Estado”. Importante destacar que o ex-deputado federal Raimundo Gomes de Matos, apontado por bolsonaristas como um possível nome, também estava presente no evento.

Acilon, em vista disso, deixou claro que vai esperar as definições dos demais grupos, principalmente a da base governista, antes de qualquer definição. “Tem que se entender o jogo político dos outros para que o nosso projeto político-administrativo seja o vitorioso”, enfatizou quando estava no palco.

“Temos nosso projeto, temos nomes suficientes para disputar e ganhar. Por isso, nós temos que ouvir todos os outros. Assim, abdicamos dos nossos anseios e dúvidas para ir para um projeto que será mais forte. Aguardemos até depois do dia 15”, finalizou Acilon.

Focus.jor
Postagem Anterior Próxima Postagem