Elmano diz que adversário central no Ceará é o "Bolsonaro de cá"

Foto: Reprodução/Redes sociais

O encontro de tática eleitoral do PT, nesta quarta-feira, 27, aprovou os nomes de Elmano de Freitas como candidato ao Governo do Ceará e de Camilo Santana como candidato ao Senado Federal. Ambas as candidaturas serão oficializadas em convenção eleitoral no sábado, 30, com a presença do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) no Centro de Eventos.

Na definição do deputado federal José Guimarães (PT), o encontro do sábado será "à lá convenção americana", os megaeventos característicos da disputa presidencial estadunidense.

A expectativa é quanto ao anúncio de quem preenche as vagas de postulante a vice-governador ou governadora e a suplência de Camilo, alvo da cobiça do bloco, pois espera-se que o ex-governador se torne ministro em eventual governo Lula, deixando vaga a cadeira, caso venha a ocupá-la.

No encontro de Tática Eleitoral em formato híbrido, online e presencial, Elmano foi o último a falar e afirmou aos pares que o adversário central é o "Bolsonaro de cá", numa referência a Capitão Wagner, candidato de oposição pelo União Brasil, a despeito da escalada de tensões que resultaram na quebra da aliança com o PDT. 

O tom da campanha de Elmano, ele mesmo disse durante a fala, será o de colocar o legado de Camilo e da governadora Izolda Cela (prestes a sair do PDT) nas ruas. Será uma candidatura de continuidade. Questionado, disse que antes de buscar o apoio de Izolda há que se respeitar o momento que ela passa.

O POVO
Postagem Anterior Próxima Postagem