Homem tem mão decepada com facão durante confusão

Foto: Arquivo Pessoal

Um homem teve a mão decepada depois de ser atingido por um facão, na madrugada de sábado (2), na Asa Norte, no Distrito Federal. O momento foi gravado por câmeras de segurança (vídeo acima). As imagens são fortes.

A vítima é Leandro Percivalli Nascimento, policial militar reformado do estado de São Paulo. Ele afirma que foi atacado após tentar defender uma mulher que estava sendo ameaçada pelo namorado. O caso é investigado pela 2ª Delegacia de Polícia, na Asa Norte. O suspeito não foi localizado.

Leandro afirma que estava em casa com a namorada, quando ouviu gritos pedindo socorro, na casa vizinha. "Eu acordei com os gritos da mulher. O homem dizia que estava armado. Saí de casa para neutralizar o agressor, mas não vi que ele estava com um facão. Ele me deu apenas uma facada, e foi o suficiente para decepar minha mão", conta.

Pelas imagens das câmeras de segurança, é possível ver o momento em que Leandro vai em direção ao homem, e é golpeado com o facão. Depois de algum tempo, o suspeito fugiu de carro, e ainda tentou atingir Leandro com o veículo.

"O facão estava muito afiado, porque foi apenas um golpe. Uma pessoa que mantém uma faca amolada desse jeito, um objetivo ela tem", diz o PM.

A vítima é Leandro Percivalli Nascimento, policial militar reformado do estado de São Paulo. Ele afirma que foi atacado após tentar defender uma mulher que estava sendo ameaçada pelo namorado. O caso é investigado pela 2ª Delegacia de Polícia, na Asa Norte. O suspeito não foi localizado.

Leandro afirma que estava em casa com a namorada, quando ouviu gritos pedindo socorro, na casa vizinha. "Eu acordei com os gritos da mulher. O homem dizia que estava armado. Saí de casa para neutralizar o agressor, mas não vi que ele estava com um facão. Ele me deu apenas uma facada, e foi o suficiente para decepar minha mão", conta.

Pelas imagens das câmeras de segurança, é possível ver o momento em que Leandro vai em direção ao homem, e é golpeado com o facão. Depois de algum tempo, o suspeito fugiu de carro, e ainda tentou atingir Leandro com o veículo.

"O facão estava muito afiado, porque foi apenas um golpe. Uma pessoa que mantém uma faca amolada desse jeito, um objetivo ela tem", diz o PM.

Ele e a namorada acionaram o Corpo de Bombeiros (CBMDF), que prestou os primeiros socorros e encaminhou Leandro ao Hospital de Base de Brasília, onde foi atendido. Ele recebeu alta do hospital na tarde deste domingo (3).

"Graças a Deus eu estou bem. Amanhã devemos registrar o caso na delegacia, e espero que este homem seja encontrado e pague pelo que fez. Infelizmente minha mão não vai voltar, mas eu fiz o que achei que deveria fazer naquela hora", afirma Leandro.

Ele e a namorada acionaram o Corpo de Bombeiros (CBMDF), que prestou os primeiros socorros e encaminhou Leandro ao Hospital de Base de Brasília, onde foi atendido. Ele recebeu alta do hospital na tarde deste domingo (3).

"Graças a Deus eu estou bem. Amanhã devemos registrar o caso na delegacia, e espero que este homem seja encontrado e pague pelo que fez. Infelizmente minha mão não vai voltar, mas eu fiz o que achei que deveria fazer naquela hora", afirma Leandro.

G1
Postagem Anterior Próxima Postagem