Morre suspeito de furto em igreja atropelado por padre

Foto: Reprodução

Morreu na manhã desta quarta-feira (27), o suspeito de furto que foi atropelado pelo frei Gustavo Trindade dos Santos, 37, em 7 de maio, em Santa Cruz do Rio Pardo. 

Em junho, a Vara Criminal de Santa Cruz do Rio Pardo aceitou a denúncia do Ministério Público do Estado de São Paulo (MP-SP) e tornou o padre réu por tentativa de homicídio.

Ângelo Marcos dos Santos Nogueira, 40, que morreu nesta manhã, era acusado de furtar a antiga casa paroquial da matriz de Santa Cruz e estava respondendo ao crime em liberdade. Segundo o boletim de ocorrência, ele furtou três moletons e uma camiseta do local.

Após isso, Ângelo foi internado em estado grave, e não teve melhora. Ele apresentava sequelas como perda de massa muscular, dificuldade para comunicação e necessidade de uso de fraldas.   

O homem chegou a receber alta para tratamento domiciliar, mas acabou voltando à Santa Casa do município e não resistiu. 

No interrogatório à Polícia Civil, o padre disse que encontrou um caminho para fechar o homem, mas quando ele entrou com o carro na calçada para pará-lo, o homem se jogou sobre o capô do veículo.

A Cidade ON
Postagem Anterior Próxima Postagem