PL oficializa em convenção a chapa Bolsonaro e Braga Neto

Foto: Reprodução

Ao ser oficializado candidato à reeleição pela convenção do PL, neste domingo (24/07) no Rio de Janeiro, com 804 votos, o presidente Jair Bolsonaro voltou a fazer ataques ao Supremo Tribunal Federal (STF) e chamou seus apoiadores para irem às ruas no 7 de Setembro para defender seu governo e a “liberdade”. A chapa será formada com o general Braga Netto como candidato a vice-presidência.

Bolsonaro disputará sua segunda eleição ao Planalto. Na primeira, em 2018, foi eleito ao vencer o ex-ministro Fernando Haddad (PT) no segundo turno e tinha como companheiro de chapa o general Hamilton Mourão.

Em sua fala no Maracanãzinho na convenção, Bolsonaro não repetiu os ataques que vem fazendo sistematicamente, sem provas, ao sistema eleitoral, mas disse que vai exigir “transparência” na eleição e citou a palavra “fraude”, se referindo aos ministros do STF como “surdos de capa preta”.

Ao citar Lula (PT), seu principal adversário e líder nas pesquisas de intenção de voto à Presidência, chamou-o de “bandido” e de “cachaceiro”.

Bolsonaro mirou boa parte de seu discurso na parte econômica e no Auxílio Brasil tentando recuperar terreno na região Nordeste, onde concentra baixo desempenho. Antes dele, a primeira-dama, Michelle Bolsonaro, mirou seu discurso em outro público que rejeita o capitão, as mulheres.

Ceará Notícias
Postagem Anterior Próxima Postagem