Soldado da PM morre aos 31 anos após ter aneurisma durante trabalho

Foto: Reprodução

Uma soldado da Polícia Militar (PM) morreu na manhã desta segunda-feira (1º) em Curitiba após sofrer um aneurisma enquanto trabalhava. Kamila Novak tinha 31 anos.

Segundo a PM, o rompimento do aneurisma cerebral aconteceu na madrugada de sábado (30). Ela foi encaminhada com urgência para um hospital da capital.

Ainda conforme a corporação, a jovem chegou a ser encaminhada para uma cirurgia de urgência, mas o procedimento foi suspenso por conta da gravidade e ela foi encaminhada para a Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para estabilização dos sinais vitais.

A morte foi confirmada pela Polícia nesta segunda. Kamila deixou o marido e dois filhos.

Por meio de nota, a corporação lamentou a morte da jovem e afirmou que ela "teve uma carreira exemplar". Também ressaltou que a militar era "uma excelente profissional, amiga, esposa e mãe, conhecida por sua alegria e alto astral".

G1
Postagem Anterior Próxima Postagem